quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Mini Fic : Jemi - Moments.



Demi: aonde você está me levando?

Gargalhava a garota de cabelos pretos, a pele branquinha e a boca corada com um fraco batom, ela era linda, e seu sorriso contagiante, porem tinha os olhos vendados, estava sendo levada a um certo lugar, que nem a mesma imaginava onde era, e por causa disso soltava suas gargalhadas.  Logo ao seu lado, ate então seu melhor amigo, a guiava, gargalhando também só de ouvir o riso da amiga. A garota estava curiosa, queria porque queria saber onde estava sendo levada,  porem não adiantava, o tal garoto não dizia o lugar que estava a levando, e Demi confessa, ela estava adorando essa surpresa.  
Joe: eu já disse que não vou te falaaar.
Cantarolou o rapaz, fazendo a garota gargalhar ainda mais, Ok, Joe não havia nascido para cantar, era o que Demi pensava em seus braços, ainda sendo guiada.
Joe  levava, não sei para onde, a garota que tinha uma faixa em seus olhos, a impedindo de ver qualquer coisa , ela só sentia que estava subindo, subindo escadas, mais para onde? Isso ela nem desconfiava. Mais ela o conhecia muito bem, ele era seu melhor amigo, ela confiava nele, então seguiu o caminho indicado, porem não controlava as gargalhadas , mais essas gargalhas eram musica aos ouvidos de Joe.

Joe: e tcharãnrãn ..... chegamos! .

O garoto murmurou, Demi sentiu ele se posicionar atrás dela, logo desfazendo o tão frágil laço que segurava a faixa de não cair. Logo despida da mesma, ela rolou seus olhos pelo lugar. E involuntariamente seu olhos brilharam, com um brilho anormal, um brilho de admiração e alegria, sua boca abriu levemente, por causa da surpresa, ou melhor descrevendo, essa era sua expressão : surpresa.
O garoto, vendo a reação da tão simpática menina, sorriu alegremente.
Demi: Joe, que lugar é esse?

Ela perguntou, não contendo a curiosidade. Ainda estava meio abismada, ela nunca havia ido ate aquele lugar, e olha que Demetria Lovato já havia rodado por essa enorme L.A inteira, mais aquele lugar não , ali ela nunca tinha visto, e era simplesmente maravilhoso, segundo a opinião da menina.
Joe  havia a levado em uma superfície, uma superfície de um prédio, aquela superfície estava vazia, apenas com os dois ocupando aquele espaço . A garota que anda estava maravilhada, olhava para o horizonte, para a sua frente, e observava as inúmeras luzes daquela cidade tão grande toda luminosa a sua frente,  forçando mais o olhar, ao longe, se observava o mar, e a lua logo acima dele, era uma noite escura, com uma brisa levemente agradável, e por ironia do destino, a lua estava cheia, deixando ainda tudo mais belo.
O lugar era esplêndido, então a garota não mediu palavras ao dizer:

Demi: aqui é maravilhoso!

Ela disse, e virou o rosto, para encarar Joe, que apenas a observava. Ele conhecia aquele lugar, sempre vinha ali para, bom, para pensar. Muitas vezes não precisamos de um lugar só nosso, para podermos por nossos pensamentos em ordem? Pois então, esse era o lugar do Joe, que agora resolveu compartilhar com Demi.

Joe: eu sabia que ia gostar.

Ele disse, não conseguindo evitar o sorriso bobo que surgiu após dizer. Pegando uma mecha do cabelo da garota, que teimava em cair sobre seu rosto, ele a colocou de volta ao seu devido lugar, e com isso Demi ergueu o rosto, agora encarando Joe nos olhos. Assim, os dois, se olhavam, sem dizer nada, apenas perdidos hipnotizados pelo olhar de ambos.

Joe: mais eu vim aqui com o intuito de te dizer outra coisa,
Ele começou a dizer, fazendo Demi o olhar curiosa, ah como ele amava aquela expressão dela, de curiosa.Mais afinal, que expressão, que ato, que ação Joe não gostava de Demi? Tudo, tudo ele amava nela. Ela era perfeita para ele.

Demi: diga,
A garota respondeu, querendo matar logo sua curiosidade.

Joe: Dems, você, bom, ér, quer namorar comigo?

Joe perguntou, com um certo receio, ele confessa que tinha algum medo da resposta que poderia sair da boca dela. A garota de apenas 16 anos, após ouvir a frase, paralisou.
Ela estava sonhando? Era o que se perguntava.
Joseph e Demetria sempre foram grandes amigos, ou melhor dizendo, melhores amigos. Porem Demi não sentia só amizade pelo tão lindo garoto de olhos castanhos, ela desde o começo foi se apaixonando pelo mesmo, cada qualidade, defeito, tudo vindo dele, a encantava. Porem  nunca passou pela cabeça de Demi  que o garoto de seus sonhos podia sentir o mesmo por ela, e por conta desses resultados, não imaginava que ele poderia estar fazendo isso que estava agora, a pedindo em namoro.
Eles poderiam ser jovens, com apenas 16 anos, mais Demi não hesitou em dizer.

Demi: sim  sim , mil veze sim!!

E com isso, abraçou Joe que estava a sua frente, o abraçou forte , muito forte, ela estava emocionada. Ele ainda meio paralisado com a resposta e o ato dela, demorou para voltar de seu transe, porem logo se recuperando , ele retribui o abraço, que não durou muito, pois Joe  separou, para olhar novamente nos olhos da garota, ela retribuiu o olhar, e conseqüentemente seus rosto começaram a se aproximar. A respiração de Demi conforme se aproximava, ficava mais ofegante, e ela não media esforços para esconder seus sentimentos, ate porque, não tem nem lógica esconder um sentimento tão belo e puro como esse que ambos sentiam. E por fim, eles selaram aquele pedido com um beijo, um beijo apaixonado, que demonstrava como os dois adolescentes de apenas 16 anos se gostavam, um beijo puro, um beijo de primeiro amor.


1 ano depois.



Demi: não, isso não pode ser verdade. NÃO JOSEPH, VOCÊ NÃO TEVE CORAGEM DE FAZER ISSO, NÃO NÃO!!!

Gritava a garota, agora com 17 anos. Ela estava atordoada, acabara de saber que seu namorado, o qual ela julgava tão perfeito, tinha a traído. Ela custava em acreditar, ele não poderia ter feito isso com ela, só poderia ser mentira, isso não tava acontecendo.
Ela ergueu o rosto, já inundado por lagrimas, e encarou o namorado, o garoto que tinha seu coração. Ergueu seu olhar para encará-lo, ela procurava uma resposta, e esta seria respondida através do olhar dele. Seu coração custava em dizer que não era verdade, que ele não teria tido  coragem de fazer aquele ato, porem  os olhos dele, infelizmente, diziam o contrario, e assim ela teve a confirmação, sim, fora aquilo que aconteceu, ele havia a traído.

Demi: VOCÊ NÃO PODERIA TER FEITO ISSO!!!

Ela gritou. Chorando, ah como chorava, pobre garota.

Joe: Dems, por favor, se acalma.

Joe disse, em vão, tentando acalmar a namorada a sua frente, ou o termo certo seria ex-namorada?

Demi: FORA DA MINHA CASA, AGORA!

Joe: Demi, por favor, se acalma.

Ele disse, em vão novamente, dando alguns passos em direção a garota, que no mesmo instante, recuou, não o deixando se aproximar.

Demi: EU NUNCA MAIS QUERO TE VER, FORA DA MINHA VIDA, FORA DA MINHA CASA, SAI AGORA!!

Ela ainda gritava desesperada, apontando para a porta, enquanto lagrimas escorria por seus olhos. Sim, aquilo estava a matando por dentro, doía, e como doía.  Ele a olhando naquele estado tinha vontade de se bater, de se matar, ele estava arrependido, muito, mais não adiantava, o ato já havia sido feito, as feridas já haviam sido abertas, agora só o tempo podia cicatrizar.
Derrotado, ele antes de sair,  olhou a garota que amava mais uma vez, e a viu chorando, respirando fundo, via raiva em seus olhos, mais  principalmente , via tristeza, mágoa.  E assim ele finalmente saiu, caminhando sem direção, e deixando seu coração para trás, pois o coração daquele rapaz pertencia só a uma garota, Demetria.


5 anos depois...

5 anos já haviam se passado desde o ultimo acontecimento descrito, tempo para varias coisas acontecerem, tempo para novas mudanças, mais também tempo para que sentimentos não mudassem.
Nosso querido casal ainda estavam separados. Depois do que aconteceu, ambos nunca mais se viram, Demi fez questão de continuar sua vida, ela estava machucada? Sim, mais precisava seguir em frente, não é mesmo?
Joe custou a seguir em frente, mais também no final não tivera outra opção, então continuou sua vida, porem sempre acompanhando Demi, mesmo que distante.
Ele estava ao lado de Demi durante todos esses 5 anos, ok, não tecnicamente do lado, mais ele a acompanhava, acompanhava cada realização que acontecera na vida de sua garota.
Ele ficara sabendo de cada passo, tudo o que Demi fazia. Ele acompanhou a realização do sonho de Demi, ou seja, ele acompanhou o lançamento do livro que Demi escreveu, esse sempre fora o sonho dela, ser escritora. Ele acompanhou a formatura dela, e agora estava acompanhando o noivado dela.
Sim, Demi iria se casar, e era isso que deixava Joe torturado, durante esses anos ele suportara essa maldita distancia entre ambos, pois tudo que aconteceu , todos os acontecimentos, eles foram bons para Demi. Durante esse tempo, o que aconteceu foi sonhos da garota que haviam se realizado. Mais o casamento dela não era coisa que Joe gostava, e da para se entender o porque disso.

Era noite, Joe estava em seu escritório. Naquela tarde, ele havia recebido uma ligação de seu irmão Nicholas, o qual o informou que o jantar de noivado de Demi seria naquela noite. Joe se desesperou, ele tinha que fazer algo, ele não suportaria passar a vida inteira naquela mesmice, com aquela falta em seu coração, que só estaria completo quando Demi estivesse com ele. Por conta disso, em questão de segundo, uma decisão fora tomada, seria o ato certo? Isso ele não sabia, mais ele faria.

Enquanto isso, no jantar de noivado de Demi...

O noivado estava sendo realizado no próprio apartamento de Demi , que digas-se de pagassem, não era tão pequeno assim. O lugar era agradável, havia um determinando numero de pessoas ali, estas eram amigas da Demi, amigos de Ster, seu noivo, ou parente de ambos. A sala estava cheia, com familiares conversando em um ambiente agradável.
Demi, agora com 22 anos, estava maravilhosa, já era linda quando adolescente, agora estava ainda mais. Em seu vestido vermelho sangue justo ao corpo, valorizava suas curvas, com seus sapatos, com um salto agulha alto, típico de Demetria, e com sua maquiagem um tanto fraca, porem com a boca destacada em um batom, e seus cabelos negros que caíram por seus ombros, ela andava pela sala cumprimentado a todos que ali estava presente, seu sorriso era encantador, sempre fora e sempre será encantador.
Observando a sala, logo seu olhar se encontrou aonde Ster estava, junto a um grupo de seus amigos, ela pensou em seguir ate La, ficar ao lado de seu noivo, porem não teve tempo de realizar esse ato, não teve tempo de  se direcionar ao encontro dele, pois a campainha tocou, ela franziu o cenho, pensara que todos os convidados já estivessem ali, porem não demorou para seguir em direção a porta.
Ainda sorrindo, como sempre, ela pegou na fechadura, e após abrir a porta, por conta do susto que levou, seu sorriso se desfez. Pois ali parado a sua frente, estava Joe.

Demetria no que o viu, paralisou.  Sua mente custava em acreditar que quem estava ali, na frente dela, era Joe, porem seu coração não demorou a acelerar, e demorou menos ainda, a voltar a despertar todos os sentimentos.
Os sentimentos, os benditos sentimentos que Demetria jurava que havia parado de sentir, estes estavam todos de volta. Como era possível? Isso nem a própria Demi conseguia explicar, muito menos eu.
Ainda parada, Demi ouviu Joe dizendo,

Joe: nós precisamos conversar.

Após raciocinar a frase ouvida, Demi finalmente voltou do seu transe, despertando. E sem controlar, disse:

Demi: eu não tenho nada para conversar com você.

Após dizer isso a garota, agora não tão mais garota assim, se virou, com o intuito de voltar para a sua festa de noivado, porem fora impedida, por Joe a segurando pelo braço, não a deixando dar nem se quer um passo. Com isso Demi virou o corpo, ficando agora novamente de frente a ele, com seus rostos perigosamente perto. Sem dizer nada, os dois apenas se encaravam, Demi não conseguia desgrudar seu olhar de Joe, que agora nesse momento, estava se aproximando cada vez mais do rosto dela, sua cabeça gritava em protesto, dizendo que aquilo não era o certo, mais o que ela podia fazer se seu coração dizia o contrário?
Então sem pensar, ela colou seus lábios no dele, e assim começaram um beijo, Joe a puxou para fora, fazendo com que a porta se fechasse, e ali, no corredor do apartamento de Demi, eles se beijavam. Demi dando passagem para Joe, fez com que o beijo se tornasse mais intenso, ele a segurava pela cintura, já ela tinha seus braços no pescoço do rapaz, a respiração de ambos já estava ofegante, o coração batia acelerado, dando como pretensão que iria saltar para fora. Mais nenhum, nem Joe e nem Demi, conseguia acabar com aquele beijo, e eles nem podiam, ate porque eles não precisavam ter presa, tinha-se só um jantar de noivado acontecendo La dentro, o qual a noiva nesse momento estava beijando o amor de sua vida, que por ironia, não era o noivo.


4 meses depois...


Demi: você não se cansa de fazer suspense?

Ela perguntou, com uma caretinha fofa, enquanto Joe colocava uma faixa em seus olhos, a impedindo de ver.

Joe: não.

Ele respondeu, sorrindo e dando um selinho apaixonado nela logo em seguida.
Demi riu, mais não protestou, ate porque ela sabia que não adiantava, Joe iria fazer ela ficar com aquela  bendita faixa nos olhos, ele adorava surpresas.

Demi: aonde esta me levando?

Ela perguntou, como sempre curiosa, não adianta, Demi nunca ira conseguir controlar sua curiosidade.

Joe: você não se cansa de perguntar?

Ele perguntou, fazendo graça por perguntar a mesma frase que ela havia perguntando no momento antes, apenas mudando a ultima palavra.  Ela gargalhou, e entrando no joguinho dele, respondeu, com a mesma frase que Joe havia a respondido.

Demi: não.

Joe riu, e assim começou a guiá-la, em direção a um lugar, que Demi se perguntava mentalmente qual poderia ser.

Desde o beijo do Joe no jantar de noivado de Demi, eles resolveram que não adiantava mais se enganar a si próprio, os dois se amavam, eles tinha que ficar juntos. Não adiantava, por mais que anos se passam, os dois vai continuar se amando, então pra que enrolar mais o tempo? Por conta disso, eles resolveram ficar logo juntos, na verdade, logo ate demais, pois logo após o beijo, os dois saíram, Demi abandoando o jantar de noivado, e indo com Joe, sabe se La para onde. E ate hoje, 4 meses depois , eles estão juntos, namorando, e felizes, muito felizes.

Joe: Só mais um pouquinho,

Demi: vai logooo.

Ela disse gargalhando,

Joe: só mais um pouquinhoo.- Ele repetiu, mais logo depois completou – E ... chegamos!

Ele disse, tirando a faixa que ate então tampava a visão de Demi.
E vendo a reação dela, ele percebeu que havia conseguido realizar seu objetivo, que era surpreende-la .
Demi estava surpresa, muito surpresa, ela nunca imaginava que o lugar que ele a levaria era ali, a superfície do prédio, a mesma que ele a havia levado a 6 anos atrás.
Joe sorriu, vendo a reação dela, que logo virou o corpo, ficando de frente para ele, o encarando sorridente.

Demi: eu não venho aqui, desde quando você...

Demi dizia, enquanto caminhava mais para frente, ficando na grade da superfície, La embaixo ela via carro e pessoas , mais isso não importava, o que importava era ali em cima, ela e Joe.
Não terminando a frase, Joe completou por ela.

Joe: desde quando te pedi em namoro?

Demi: ée.

Ela disse suspirando e sorrindo. Sorrindo boba.

Joe: bom,
Ele começou, e ela virou, ficando de frente a ele.

Joe: eu vim aqui te pedir uma coisa, novamente.

Ela o encarou,  desconfiada e confusa, com uma mão na cintura.  Mais não deixava de sorrir.
E para a surpresa dela,  ele ficou de joelhos, ali mesmo, em sua frente, logo tirando uma caixinha de veludo do bolso, a abrindo e mostrando o lindo anel que havia dentro, nesse momento Demi já estava paralisada, e no segundo seguinte, quando ouviu a frase, seu coração praticamente parou.

Joe: Demetria Lovato, aceita se casar comigo?

Ele perguntou, sorrindo bobo, observando a expressão de surpresa que Demi estava. Porem a expressão de surpresa logo fora substituída por outra expressa, esta de feliz, de alegria, de amor, de muito muto amor.
E sem se conter, ela o fez se levantar, logo enchendo o mesmo de beijos por todo o rosto. Parando a boca a centímetros da dele, e olhando em seus olhos, ela respondeu, por ironia do destino, a mesma frase que fora respondia a tempos atrás.

Demi: sim  sim , mil veze sim!!

Ele sorriu radiante, e colocou o tão delicado anel no dedo de Demi, logo após a beijando. Um beijo apaixonado, com muito amor. Tempo pode ter passado, coisas podem ter  acontecido, eles ficarem muito tempo separados, mais isso não os impediu de ter um final de feliz, e eu garanto, todos temos a chance de ter um final feliz, só precisamos lutar por ele.
 Pois mesmo depois de muitas feridas, as vezes o amor dura.

Fim.

Hey gente, bom, eu enrolei, enrolei, e enrolei mais um pouco, mais finalmente postei a mini fic que eu tinha prometido KKKKK
Olha, a Mandy ta de prova, eu nao ia postar , porque eu achei que essa mini fic ficou simplesmente horrível, serio, eu só to postando mesmo porque eu prometi a vocês, porque eu mesma, odiei ela, é.
Enfim, ai ta ela, e comentam o que acharam, podem dizer se não gostaram, ou se gostaram, slá.
Daqui a alguns dias eu volto, falando sobre a nova fic e tudo mais.
Beijos,

By:Amanda.

14 comentários:

  1. Realmente, ela não ia postar, enfim . Eu convenci ela porquê eu que fiz a imagem lá de cima, e eu queria que ela fosse usada, ~dá licença ~
    enfim , eu já tinha lido mesmo, eu li antes de todo mundo. Eu sou diva ~joga o cabelo~
    bom , enfim , um beijo bitch.

    ps: eu já li o primeiro capítulo da nova fic, morram ~

    ResponderExcluir
  2. Taa perfeita !
    E Poooooooooosta Logooo a nova fic ! vai ser Jemi ou Nelena?
    Pooosta Logo
    Beijemi

    ResponderExcluir
  3. lkdwhfs~GFL~]goghqeln
    Que lindooooooooooooooo!
    Posta logo !!!!

    ResponderExcluir
  4. MARAVILHOSAMENTE PERFEITA!
    Sério,amei a sua Mini-Fic,agora estou curiosa pra saber quando você vai postar outra história e qual vai essa história,mais vindo de você só pode ser perfeita,mais uma história pra mim chorar,ou não.
    Beijos....

    ResponderExcluir
  5. WOOW PERFEITA, MARAVILHOSA , DIVA , INCRIVEL.

    ResponderExcluir
  6. Owt,ficou perfeito,muito bom mesmo!!
    Bjuss!

    ResponderExcluir
  7. XARAAAAAAAAAAA
    MUITO MUITO MUITO MUITO PERFEITAAAAAAAAAAAA!!!!!
    POSTA LOGO A FIC NOVA!!

    Kisses xarasrticooooooooooooos!

    ResponderExcluir
  8. AMEEEEEEEEEEEEEEEEEEI. Diva,perfeita,maravilhosa *---*

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. *Selinho: http://ficsjemi-irreplaceable.blogspot.com/2011/12/selinhos_30.html

    ResponderExcluir
  11. hey bitch , selos para te deixar feliz :D

    http://jemienelenaipromesseyou.blogspot.com/2011/12/respostas-dos-comentarios-do-cap-56.html

    ResponderExcluir
  12. Afos Amanda você sempre reclamando né?Ta lindo como tudo que você faz Amandita minha kkkkkkkkkk TCHAU

    ResponderExcluir
  13. http://jemiumamorperfeito.blogspot.com/2012/01/selinho.html SELINHO PRA VC AMOR

    ResponderExcluir